Meu Deus! Até onde vai tanta maldade? (PP)



Apunhalam vagarosamente o rio Tapajós...
Compraram o Maicá para o profanarem
Dentro da legalidade...
Meu Deus! Até onde vai tanta maldade? (PP)

Comentários